• Sheila Drumond

6 Dicas Essenciais de como Mindful Eating pode te ajudar no comer emocional



Você já começa a sofrer só de pensar nas palavras dieta ou planejamento alimentar…? Percebe que a comida é a base da sua felicidade e satisfação? Depois de um dia intenso e pesado, sente que precisa se recompensar – e geralmente é com comida? Tende a comer mais – especialmente açúcar e farinha refinada – quando está se sentindo deprimida(o), cansada (o) demais, entediada(o) ou ansiosa(o)? Perguntas como essas, por mais difíceis que seja respondê-las, trazem consciência à forma como nos relacionamos com a comida, o que chamamos de comportamento alimentar. Segundo dados da OMS, cerca de 4,7% das pessoas sofrem com algum transtorno alimentar, de acordo com uma importante matéria publicada pela Revista Veja (clique aqui pra acessar a matéria). É indiscutível a importância de tratar o comportamento alimentar, antes que o mesmo se torne um transtorno mais grave. Inúmeros fatores influenciam no nosso comportamento alimentar e, portanto, na relação que estabelecemos com a comida, entre eles: a rotina corrida demais (faltando tempo para sentar e fazer a refeição com calma), o comer automático, o comer emocional, a autoestima, os padrões midiáticos, as redes sociais – todos esses fatores tem alguma relevância em nosso padrão alimentar. Segundo Vaz e Bannemann (2014):

“O comportamento alimentar é um conjunto de ações relacionadas ao alimento, que envolve desde a escolha até a ingestão, bem como tudo a que ele se relaciona. (…) Fica evidente que, o comportamento alimentar promove o hábito alimentar.”

Conhecer nosso comportamento alimentar é um processo profundo de autoconhecimento, pois reconheceremos diversos fatores emocionais envolvidos nas nossas decisões alimentares. Requer tomar conhecimento de que convivemos, diariamente, com a fome emocional e com o comer automático, que pode nos arrastar por um sofrimento profundo – e até mesmo desenvolver algum transtorno alimentar. Pesquisas mostram que a alimentação consciente pode levar a uma maior consciência de como e por que você está comendo, ajudando a desenvolver uma relação positiva com a comida e, de quebra, ainda controlando o peso. Separei 6 dicas essenciais da prática do comer consciente. 6 Dicas para Comer Consciente


1. Silenciar o barulho enquanto come. Ao sentar para fazer uma refeição, mantenha celular longe e a TV desligada.

2. Tenha um momento curto para cultivar a gratidão. Realizando esse exercício, você limpa a cabeça das preocupações e toma um respiro, ao invés de comer automaticamente.

3. Exercite seus 5 sentidos. Explorar seus 5 sentidos durante a refeição vai garantir uma satisfação maior.

4. Nomeie os sabores que experimenta enquanto come. Essa atitude vai te trazer maior consciência sobre a sua experiência enquanto come.

5. Preste atenção nas diferentes texturas. Essa observação também vai enriquecer muito a experiência.

6. Descanse os talheres enquanto mastiga. Essa atitudes simples vai dar uma boa freiada no seu comer automático.




3 visualizações0 comentário